Voltar Compartilhar

PREFEITO MUNICIPAL E GESTORA DA CORSAN ANUNCIAM INVESTIMENTOS EM SOLEDADE

  • 10/05/2018 21:00:00
  • Paulo Henrique Pinheiro/Assessoria de Imprensa

O anúncio foi feito após uma reunião com a presidência da Corsan.

Através de uma iniciativa do Prefeito Municipal, Paulo Cattaneo e da gestora da Corsan- Unidade de Soledade, Camila de Mello Godoy, ocorreu na última quarta-feira, dia 09 de maio, em Porto Alegre, uma reunião com a equipe diretiva da Corsan.

O objetivo, segundo eles, foi buscar a evolução de projetos que já estão em pauta há muito tempo e ainda não saíram do papel. “Promovemos este encontro para mostrar a importância que estes projetos têm para a comunidade soledadense, e com isso, esperamos fortalecer não só a parceria da Corsan com os usuários do serviço, mas principalmente, deixar as demandas de Soledade na pauta da Corsan”, relata Camila.

Além da gestora, e prefeito municipal de Soledade, participaram da reunião o presidente da Corsan, Flávio Ferreira Presser, o superintendente regional Aldomir Santi, o deputado estadual, Gilberto Capoani, o colaborador da Corsan, Douglas Perin e outros membros de diretorias técnicas da Corsan.

Na ocasião, Cattaneo apresentou as demandas de Soledade ao presidente da Corsan e citou pontos importantes como a falta de água devido a estragos de motores junto à captação no Rio Espraiado, que deixou a cidade desabastecida no final de março, a substituição da adutora, o processo de permuta de terrenos entre Corsan e município, e substituições de redes antigas de água por novas, além da Estação de Tratamento de Esgoto do Promorar.

“A falta de água acaba acarretando muita indignação da população nas redes sociais”, disse Cattaneo.
A presidência da Corsan alegou que o conserto dos grupos já foi executado, sendo que hoje tem um grupo motor bomba em operação e tem disponível outro grupo reserva e que essa situação será totalmente resolvida com a substituição da adutora.

Camila afirma que o processo de licitação para substituição será aberto no dia 18 de maio. “Neste dia ocorrerá a entrega da documentação das empresas participantes e o processo de licitação dura de 90 à 120 dias”, explica a gestora.

Camila ainda salienta que a adutora atual tem mais de 30 anos. “Serão aproximadamente 14 quilômetros de tubulação a serem substituídas as margens da BR 386. Será uma grande obra, pois trata-se de um investimento de mais de R$ 13 milhões para o município”, conta.

Sobre a permuta de terrenos, durante a reunião ficou estabelecido que a prefeitura repassará para Corsan um terreno para construção da Estação de Tratamento de
Esgoto, localizado às margens da ERS332 e em contrapartida a Corsan repassará à Prefeitura todos os terrenos ociosos da Corsan no município. Além disso, ficou acordado que o Poder Executivo assumirá a regularização dessas áreas.
“Precisamos elucidar que para esta obra da Estação de Tratamento de Esgoto já há uma previsão de R$ 6 milhões de recursos para o início da obra”, diz Camila.

A reunião aponta novos rumos para a Corsan em Soledade. Como sinal, as substituições de rede já estão sendo executadas, obra esta que já vem sendo projetada em alguns anos, mas só agora está se tornando realidade. “Para esse ano, são mais de 1300m de tubulações a serem substituídas e ficou acordado que a substituição será anual, pelos próximos 4 anos. Quanto a estação de tratamento do Promorar, já tem R$ 2 milhões em recursos previstos para essa obra, onde está se aguardando algumas licenças por parte da FEPAM para evolução do projeto”, salienta.

Além de resultados positivos, a reunião traz à comunidade de Soledade a expectativa da realização de obras prometidas há anos, e que agora, estão evoluindo da fase de projetos para execução.

Faça seu comentário: