Voltar Compartilhar

REDE HAVAN PROJETA INVESTIR QUASE R$ 2 BILHÕES NO RIO GRANDE DO SUL

  • 02/02/2018 20:51:00
  • Paulo Henrique Pinheiro/Assessoria de Imprensa

A rede catarinense de lojas de departamentos Havan anunciou, nesta quarta-feira (31), que deve investir cerca de R$ 2 bilhões para entrar no mercado atacadista e varejista do Rio Grande do Sul. O presidente Luciano Hang, em audiência com o governador José Ivo Sartori e autoridades, no Palácio Piratini, garantiu que a empresa estuda a possibilidade de construção de pelo menos 50 novas megalojas e a geração de até 10 mil empregos diretos.

Para o Governador José Ivo Sartori, a perspectiva do novo empreendimento é uma demonstração de confiança do empresariado. “A nossa equipe está sempre à disposição de quem quer investir no RS. Só não investe aqui, quem não quer. Estamos desburocratizando todas as áreas e criando as condições necessárias para atrair novos investimentos”, ressaltou.

As novas unidades da empresa são megalojas de 6 a 7 mil metros quadrados com cerca de 100 mil produtos, praça de alimentação, e, algumas têm até mesmo salas de cinema da rede Cine Gracher, além da tradicional Estátua da Liberdade da Havan, símbolo da empresa, com 33 metros de altura. Cada uma das estátuas custa, em média, R$ 1,5 milhões.

“Agora, após a conversa com Sartori, acreditamos que podemos fazer aqui o que fazemos em todo o Brasil. Vamos conversar com prefeitos e sindicatos, pois só vamos às cidades em que poderemos trabalhar aos sábados, domingos e feriados. Estamos abertos para cidades que querem crescer, que querem gerar empregos, renda, impostos, e que gostam de receber empreendedores“, afirmou Hang.

Conforme o prefeito Paulo Cattaneo, Soledade está no rol das cidades que oferecem as condições referidas pelo megaempresário. “Em virtude da localização estratégica, em especial, junto as BRs 386 e 471, da legislação e da disponibilidade em atrair investimentos, Soledade reúne as condições necessárias, para receber empreendimentos desta natureza”, destacou Cattaneo.

Faça seu comentário: